Evento apresentou as últimas novidades do setor e aproximou fornecedores de fabricantes

Foram três dias de contato direto entre fornecedores e fabricantes de portas de madeira. O 3º Encontro da Cadeia Produtiva da Porta (ENCAPP), promovido pela Associação Brasileira da Indústria de Madeira Processada Mecanicamente (Abimci), por meio do Programa Setorial da Qualidade de Portas de Madeira para Edificações (PSQ-PME), conseguiu reunir os principais players desse segmento, que vieram a Curitiba com o objetivo de fazer negócios.

“Quem acreditou no vento vai ter um resultado muito positivo, porque foi possível ter contato direto com o comprador dos fabricantes de portas”, garante a coordenadora do Sistema Integrado de Gestão da Pormade, Miriam Gotz Mayer.

Cassiano de Zorzi, diretor de operações da Reflorestadores Unidos/Ecoporta também comemora os bons resultados obtidos com o evento. “Vimos novidades que os fornecedores estão oferecendo para o nosso ramo. Foi um momento importante para o desenvolvimento da cadeia produtiva da porta”, afirma.

Os expositores apresentaram lançamentos de segmentos como abrasivos, acessórios, adesivos, selantes, espumas, ferragens e fechaduras, filmes para proteção, fitas de borda, máquinas e equipamentos, painéis e chapas, perfis, revestimentos, serviços, sistemas de portas, tintas e vernizes, tratamento da madeira, vedação e amortecimento.

Além da oportunidade de apresentação dos produtos na feira, a ação da Rodada de Negócios, exclusiva para os expositores, foi o ponto alto do encontro, proporcionando no total quase 450 encontros. “Foi muito bom, um tempo bem bacana para estar com os decisores. Daqui pra frente teremos bons negócios que foram iniciados aqui”, afirma a gerente nacional de Vendas da Eclisse, Priscila Andrade.

Quem também compartilha da opinião é o diretor Comercial e de Desenvolvimento da Hexacell, Fabiano Ulian. “Achei a rodada muito produtiva, porque conseguimos levantar muitas informações novas. Essa é uma ação que deve ser mantida para as próximas edições”, avalia.

Para o coordenador do Comitê de Portas da Abimci, Caetano Balvedi, o resultado positivo alcançado com o evento foi a capitalização de todo o trabalho que vem sendo realizado. “Nossos fornecedores acreditaram no evento. Demonstramos que este é o canal correto para que eles se comuniquem com o setor de portas”, avalia. Além disso, o coordenador lembra que desde a realização do primeiro encontro, houve uma consolidação das ações. “Estamos indicando para o mercado como produto tem que ser entregue – dentro das normas – e deixando claro o nível de solidariedade conjunto que o fornecedor tem com os fabricantes de portas diante do cliente. O sucesso do ENCAPP mostra a relação duradoura que pretendemos ter com os fornecedores”, conclui.

Evento

O ENCAPP contou com o apoio institucional da ABNT, Associação Brasileira dos Escritórios de Arquitetura (Asbea), Associação Paranaense de Empresas de Base Florestal (Apre), Confederação Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), Federação das Indústrias do Paraná (Fiep), Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc), Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), Sinduscon-Paraná-Oeste e Sinduscon-PR.

Já por meio dos apoios de mídia recebido das Revistas B. Forest, Referência Industrial, Contramarco e Construtores, e dos Portais Madeira e Construção, Madeira Total, Mais Floresta e Painel Florestal, o setor de portas estreitou relacionamento com formadores de opinião desses veículos de comunicação, colocando em pauta o evento e temas como a cultura da qualidade, normalização de produtos e certificação.

VOLTAR